Irati desenvolverá projeto de implantação da Delegacia Cidadã

Irati desenvolverá projeto de implantação da Delegacia Cidadã


Publicado em: 12/09/2017 12:12

Whatsapp

 

Em reunião no último dia 11, com o secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária, Wagner Mesquita, na capital do Estado, o prefeito Jorge Derbli propôs que a prefeitura faça o projeto de implantação da Delegacia Cidadã, no município, como forma de garantir e acelerar o processo de instalação do referido espaço em Irati.

Nesta nova etapa de discussões, foi descartada a hipótese de aproveitamento do prédio que seria o primeiro módulo da nova prefeitura, na Avenida Perimetral, por ser considerado muito grande, e a utilização de um terreno, de aproximadamente 5.000 metros quadrados, na mesma região, proximidades do Fórum Eleitoral, para a edificação.

Além do secretário Mesquita e do prefeito Derbli, participaram da reunião o secretário da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos, Artagão Júnior, o vereador Soldado Elias, o delegado da 13ª Subdivisão Policial, Paulo Ribeiro, o presidente do Conselho Municipal de Segurança, Luiz Carlos Ramos, e demais técnicos da Secretaria de Estado da Segurança Pública (Sesp).

“Com a prefeitura fazendo o projeto de implantação, ganhamos tempo e pulamos etapas burocráticas. As chances de incluirmos no orçamento do ano que vem são muito grandes”, declarou Mesquita.

Derbli insistiu no interesse e grande necessidade da Delegacia Cidadã em Irati: “Os investigadores estão ocupados cuidando dos presos, o que acaba afetando o trabalho de investigação”. Hoje, com capacidade para 32 presos, a carceragem de Irati está superlotada, com 63 detentos.

Na apresentação formal da proposta de nova área, o secretário Artagão Júnior reiterou o dinamismo da atual administração municipal: “O prefeito Derbli mostra o seu compromisso com o município, assumindo uma responsabilidade que não era de Irati, para dar velocidade ao projeto, de tal forma que no máximo em até 60 dias tenhamos o projeto pronto e a certeza da inclusão no orçamento de 2018”.

Delegacia Cidadã busca serviço humanizado

A Delegacia Cidadã é uma unidade da Polícia Civil que busca um conceito de serviço humanizado, com áreas isoladas para mulheres, crianças e idosos.

A edificação não possui carceragens. Há apenas uma cela, pequena, para custódia provisória de presos, que ficarão no local enquanto for necessário colher os depoimentos para o inquérito policial, ou transferência para outros municípios.

Matinhos foi a primeira cidade paranaense a ter a unidade em funcionamento no Estado, desde abril passado. Estão com obras em andamento as Delegacias Cidadãs na Região Metropolitana de Curitiba, em Pinhais e Fazenda Rio Grande. Além de Paranaguá, o Governo do Estado deverá abrir, ainda neste ano, a licitação para a construção de unidades em Almirante Tamandaré, Colombo, Ivaiporã e Araucária.

Subgrupamento de Bombeiros e Guarda Municipal

Artagão Júnior aproveitou a audiência para reforçar a criação de um subgrupamento de Bombeiros Irati, que hoje é submetido a Ponta Grossa. O prefeito Derbli argumentou que Irati está pronta para assumir o comando da região.

A respeito da Guarda Municipal, Artagão Júnior e Derbli solicitaram agilidade no curso de formação de 35 guardas municipais. “Precisamos aperfeiçoar o trabalho dos nossos guardas, assim como da nossa patrulha rural, que estão fazendo um belíssimo trabalho”, comentou Derbli.

Desenvolvido por: