Português Inglês Alemão Árabe Chinês Coreano Espanhol Francës Holandês Italiano Japonês Russo

Você esta em Início > Notícias > Festa do Pêssego leva perto de 37.000 pessoas ao Parque Aquático
Festa do Pêssego leva perto de 37.000 pessoas ao Parque Aquático
Publicado em: 05/12/2017 15:41
Festa do Pêssego leva perto de 37.000 pessoas ao Parque Aquático

Dias de sol e temperatura quente, frutos de qualidade, produtos diversificados e diferentes em exposição, gastronomia com várias opções e muitos shows e apresentações artísticas atraíram enorme público à 39ª Festa do Pêssego, no último final de semana.

O Parque Aquático, que tradicionalmente recebe o evento, recebeu visitantes da região e de todo o Estado, além do público local, em movimentação intensa nos três dias da promoção, especialmente no domingo (03), em que em vários pontos, era praticamente impossível circular.

A 8ª Companhia Independente da Polícia Militar do Paraná, que esteve presente permanentemente na festa, estimou um público perto de 37.000 pessoas. O comandante Major Joas, em sua avaliação, relatou pessoalmente ao secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Luis Antônio Andreassa, o Ico, que só nos horários dos maiores shows, no domingo, sua impressão era a de mais de 15.000 pessoas.

A Guarda Municipal, que também acompanhou, do início ao término, todos os momentos da Festa do Pêssego, reforçou esta imagem de público inédito presente ao evento. Entretanto, segundo a corporação, o desenrolar da programação foi tranquilo, sem grandes incidentes.

A organização do evento endossa este levantamento de mais de 30.000 pessoas que passaram pelo parque nos dias da festa, em razão da grande variedade de opções de lazer e entretenimento que o evento proporcionou.

A 39ª Festa do Pêssego foi promovida pelo Provopar Municipal e contou com apoio da Prefeitura, Emater, Seab e Asfrutir.

Avaliação

O secretário municipal de Agricultura, Raimundo Gnatkowski, o Mundio, considerou “excelente o resultado da festa, no geral. O sucesso foi tão grande que deu motivação para quem expôs, querer expor novamente. A nossa festa voltou a ter credibilidade”, comentou.

Para o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Ico Andreassa, “todos que se comprometeram com a organização e preparativos do evento, foram muito prestativos, o que acabou gerando esse resultado espetacular. Sem nenhuma dúvida, a melhor festa do pêssego de muitos anos”.

A presidente do Provopar, entidade promotora do evento, Maria Nilda Girardi, declarou que “a festa deste ano correspondeu às melhores expectativas, principalmente na questão do movimento em relação ao público que compareceu e valorizou a promoção”.

O prefeito Jorge Derbli agradeceu a “todos que trabalharam, cada um no seu setor e na sua função, para proporcionar momentos agradáveis à população e aos visitantes nos três dias da 39ª Festa do Pêssego”. Para o prefeito, cabe à comissão organizadora fazer a avaliação do que pode ser ainda melhorado para a edição de 2018.

Borrego serviu mais de 1.000 refeições

O prato típico de Irati, o borrego, serviu mais de 1.000 refeições nos três dias. Na sexta (01), no jantar reservado às empresas que adquiriram o prato antecipadamente, foram 390 refeições. O almoço de sábado (02), vendeu cerca de 200 pratos, e no domingo (03), o borrego no rolete teve aproximadamente 500 refeições.

Este número, de acordo com a organização, certamente é superior, pois aqui estão contabilizados apenas os cartões vendidos, e não constam as refeições servidas a autoridades, convidados e pessoas que estavam ligadas diretamente à organização da festa.

Pêssego precisou ser reposto

A quantidade de pêssego que os fruticultores reservaram para comercialização durante a festa, em muitos casos, mostrou-se insuficiente. No domingo, naturalmente um dia de maior procura, vários expositores precisaram repor seu estoque em razão das vendas do sábado. Houve caso de fruticultor que comercializou 600 Kg já no sábado.

O clima propício deste ano favoreceu a produção, e os pomares iratienses foram generosos na quantidade e qualidade do fruto. Quem expôs durante a festa mostrou satisfação com as vendas e pretende retornar na edição de 2018.

15 toneladas de pêssego, ameixa e morango foram vendidas durante o evento.

No domingo, o presidente da Asfrutir, Alfredo van der Neut, junto com o prefeito Jorge Derbli, o secretário de Agricultura, Mundio e sua equipe e a rainha e princesas da Festa do Pêssego, fizeram entrega de certificados de participação a todos os fruticultores.

Negócios e sabores

Tanto o Salão de Negócios quanto a Feira de Sabores registraram vendas satisfatórias durante a promoção e acolheram um número intenso de visitantes, particularmente no domingo.

Os corredores do interior do Pavilhão João Wasilewski, que abrigou os dois eventos paralelos à festa, teve momentos de congestionamento de pessoas, em razão de muitas novidades que foram trazidas para o evento deste ano.

A coordenação da festa comenta que a maioria dos expositores do Salão de Negócios já manifestou interesse de deixar agendados os espaços para a edição 2018 da promoção.

Shows lotaram área de eventos

A Festa do Pêssego 2017 inovou em criar um espaço coberto, em forma de corredor, na área reservada aos shows artísticos. Com isso, o público presente nas apresentações ficou protegido do sol, geralmente forte nesta época do ano, e também de eventuais pancadas de chuva, que são comuns no verão.

Contudo, o tempo colaborou, e não houve chuva, o que atraiu ainda mais pessoas ao local, a ponto de que, no sábado, a partir das 21h, e no domingo, perto de 15h, já era muito difícil cruzar de um lado a outro do espaço. Encerrando o sábado, a Banda Interprise agitou a plateia com repertório eclético e animado.

No domingo, o público veio ao delírio com as atrações nacionais Hugo e Thiago, do programa Fama da Rede Globo e, em seguida, Altair e Alexandre, duplas trazidas pela Rede Massa de Televisão. Ao término de cada show, filas de fãs se formaram nas imediações dos camarins para selfies com os ídolos.

A noite encerrou com um belo show da banda iratiense Radio Radar, que participou do desafio global SuperStar.

Prestígio político

O termômetro da projeção que alcançou a Festa do Pêssego 2017 foi não só o expressivo público que atraiu, como também o prestígio que recebeu de várias autoridades que vieram a Irati durante o fim de semana.

Da região centro-sul, já na abertura de sexta, vieram Moacir Szinvelski, de Mallet, Bertoldo Rover, de Imbituva, Cleonice Chuck de Fernandes Pinheiro, e Junior Benato, de Inácio Martins, que é atual presidente da Amcespar.

No sábado compareceram o prefeito de Prudentópolis, Adelmo Luiz Klosowski, e de Santana do Itararé, Joás Ferraz Michetti. No mesmo dia a festa recebeu ainda a visita do secretário municipal de Esporte, Lazer e Juventude de Curitiba, Marcello Richa e da deputada federal Leandre Dal Ponte.

No domingo a festa recebeu a presença do Secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Pepe Richa, do Secretário de Estado da Justiça e Trabalho, Artagão Júnior, e do deputado estadual Ricardo Arruda.

O evento reuniu ainda vários chefes de núcleos regionais, vereadores de Irati e municípios vizinhos, ex-prefeitos, representantes de deputados federais e representantes de entidades vinculadas à produção agropecuária.

Leia Também

Desenvolvido por: